quarta-feira, 16 de maio de 2018

MEDALHA DO CENTENÁRIO DE GARANHUNS (1879-1979)

Da esquerda para a direita: José Ferreira Filho (Zí Ferreira),
Ivo Tinô do Amral, Dr. José Tinôco, Antônio Tenório e o Dr.
Elísio Alves Pinto (Dr. Pinto)

Créditos da foto: Maurício Pais
Por Gilvandir Luna (1979)

A Medalha do Centenário foi uma comenda entregue pelo então prefeito Ivo Tinô do Amaral em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados em prol do desenvolvimento Sócio-Comunitário do Município de Garanhuns, nos seus primeiros Cem Anos de emancipação política.

Receberam a comenda: Srª. Sílvia Miranda Galvão, Antônio Pereira da Silva, Everaldo de Oliveira Santos, Francisco Ferreira Leal,  Israel H. de Carvalho, Joaquim Timóteo da Silva, José Duda de Barros, José Ferreira Maciel, José Maria Brasileiro Viana, José Rodrigues da Silva, Leopoldino Cardoso da Silva, Letácio de Brito Pessoa, Manoel Cipriano Sobrinho, Pedro da Silva Maia, Rivadávia Correia de Melo, Srª. Maria Mercês de Lima Tavares Correia,  Noêmia Gomes Costa, José Maria Dourado,  José Luciano de Oliveira e José da Costa Dourado.

Agraciados também, Manoel Paulo de Miranda, Manoel Vicente da Cruz Gouveia, Orlando Euclides Wanderley, José Gomes da Silva, Severiano Ferreira de Moraes Filho, Maria Verônica da Mota Silveira, Acácio Rodrigues Alves, Mons. Adelmar da Mota Valença, Gerson da Rocha Gouveia, Mons. Tarcísio Cordeiro Falcão, Uzzae Canuto, Elísio Alves Pinto, Jaime de Oliveira Luna, João de Deus de Oliveira Dias, José Francisco de Souza, José Pompeu Luna, poeta Lauro de Alemão Cysneiros, Luís Inácio de Miranda Jardim, Mayr Maranhão Lapenda e Nelson Paes de Macêdo.

Ainda receberam a cobiçada comenda o Bacharel Osvaldo Gonçalves de Medeiros, Rubens Vaz da Costa, deputado Aderbal de Araújo Jurema, Aurélio Muniz Freire, José de Abreu Santos, deputado José Tinoco Machado de Albuquerque, Rilton Rodrigues da Silva, Dom Tiago Postma, Ten. Cel. Luiz Augusto da Silva Tavares, ex-prefeitos Amílcar da Mota Valença, Luiz Souto Dourado, Abdias de Noronha Branco, José Henrique de Abreu Wanderley, Álvaro Alves da Rocha, Pedro de Souza Lima, Everardo Ribeiro Gueiros e os vereadores Paulo Faustino de Albuquerque, Antônio Edson de Araújo Lima, Osvaldo Ferreira da Silva, Audálio Ramos Machado, José Estevão dos Santos, Antônio Marlos Duarte, Severino Pereira Guimarães, Florismundo Carrilho de Moraes e José Ferreira Filho.

Linhas do Tempo (1979): No dia 1º de maio  era inaugurada em Garanhuns,  a Empresa Dourado & Cia. LTDA. (Revendedor da BRAHMA), que funcionou como depósito e escritório

Cinema Jardim apresentava o filme "O Homem de 6 Milhões de Cruzeiros Contra as Panteras" - Censura Livre

 Apoio Cultural  

Postar um comentário